Postagens Etiquetadas ‘paul rudd’

Capitão América: Guerra Civil | Crítica | Captain America: Civil War, 2016, EUA

Equilibrado entre ação e drama, Capitão América: Guerra Civil continua na crista do anterior mesmo com o elenco inflado.

Capitão América: Guerra Civil (2016)

Com Chris Evans, Robert Downey, Jr., Scarlett Johansson, Sebastian Stan, Anthony Mackie, Don Cheadle, Jeremy Renner, Chadwick Boseman, Paul Bettany, Elizabeth Olsen, Paul Rudd, Emily VanCamp, Tom Holland, Frank Grillo, William Hurt e Daniel Brühl. Roteirizado por Christopher Markus e Stephen McFeely baseado nos quadrinhos da Marvel Comics. Dirigido por Anthony e Joe Russo.

9/10 - "tem um Tigre no cinema"Mais uma vez um filme solo do Universo Cinemático Mavel é muito mais interessante que a reunião dos heróis em si. Mesmo que com a massiva presença de seus companheiros de equipe Capitão América: Guerra Civil é centrado no personagem título e no seu antigo companheiro já apresentado no filme de 2014. Apesar de pecar pelo mal de em certo momento acontecer muita coisa ao mesmo tempo por causa da miríade dos personagens, é um filme que consegue equilibrar ação e drama, junto com uma pequena dose de comédia para dar leveza à um filme feito para agradar tanto os fãs dos quadrinhos quanto àqueles que acompanham as aventuras dos Vingadores somente no cinema.

Leia mais

Homem-Formiga | Crítica | Ant-Man, 2015, EUA

Ant-Man, 2015

Com Paul Rudd, Evangeline Lilly, Corey Stoll, Bobby Cannavale, Michael Peña, Tip “T.I.” Harris, Wood Harris, Judy Greer, David Dastmalchian e Michael Douglas. Roteirizado por Edgar Wright, Joe Cornish, Adam McKay e Paul Rudd, baseado nos quadrinhos de Stan Lee, Larry Lieber e Jack Kirby. Dirigido por Peyton Reed (Sim, Senhor).

6/10 - "tem um Tigre no cinema"Eis mais um filme da Marvel e, dependendo do seu ponto de vista, isso pode ser bom ou ruim. Não vale a pena falar da enxurrada de filmes de super-heróis – essa é a realidade e o que podemos fazer é embarcar na aventura, o que não quer dizer que temos que gostar de todas elas. Homem-Formiga é o novo exemplo na mesma veia do piadista de Homem de Ferro 3 – porém menos irritante – e Guardiões da Galáxia – com menor competência. Há cenas de ação incríveis, a montagem funciona para que o filme não fique cansativo, e algumas piadas chegam a ser surreais, e que garantirão a alegria da plateia. No entanto, depois de quase 120 minutos, fica a sensação que estamos vendo mais do mesmo, o que pode funcionar para o grande público, mas uma inovação na estrutura não faria nenhum mal.

Sinopse oficial

A próxima evolução do Universo Cinemático Marvel traz um dos fundadores dos Vingadores para a telona pela primeira vez com Homem-Formiga (Ant-Man) dos Estúdios Marvel. Armado com a surpreendente habilidade de encolher em tamanho, mas expandir em força, o grande ladrão Scott Lang deve aceitar seu herói interior e ajudar seu mentor, o dr. Hank Pym, a proteger o segredo por trás de seu especular traje de Homem-Formiga de uma nova geração de grandes ameaças. Enfrentando obstáculos que parecem insuperáveis, Pym e Lang precisam planejar e levar a cabo um roubo que salvará o mundo.”

Leia mais

Homem-Formiga | Novo trailer destaca o lado engraçado do protagonista | #News

Homem Formiga | Novo trailer

Paul Rudd além de heroi, será um cara engraçado no vindouro Homem-Formiga. Pelo menos é isso que o trailer liberado hoje pela Disney Brasil nos indica. Um desses momentos mais cômicos vem da frase de Rudd que diz “meus tempos de invadir e roubar acabaram”. E a resposta de Michael Douglas é “Eu preciso que você invada um lugar para roubar algumas coisas”. Então, veja o trailer aqui embaixo.

Leia mais

Para cima