Postagens Etiquetadas ‘Austin Stowell’

A Guerra dos Sexos | Crítica | Battle of the Sexes, 2017, EUA

Além de ser um ótimo filme, A Guerra dos Sexos levanta uma bandeira e por isso ganha mais importância.

A Guerra dos Sexos | Review

Elenco: Emma Stone, Steve Carell, Sarah Silverman, Bill Pullman, Alan Cumming, Elisabeth Shue, Austin Stowell, Eric Christian Olsen | Roteiro: Simon Beaufoy | Direção: Jonathan Dayton, Valerie Faris (Pequena Miss Sunshine)

Estamos numa época que algumas produções afirmam o óbvio. Se fosse uma passeata como a marcha para a ciência, Guerra dos Sexos levantaria uma placa dizendo não acreditar que em 2017 ainda é preciso pedir igualdade de gêneros e pelos direitos dos LGTBQI (desculpem se me engano no acrônimo). O filme de Jonathan Dayton e Valerie Faris pode ser visto importando mais pela sua mensagem do que o jeito que é feito, mas isso não impede a dupla de trazer um filme com momentos empolgantes, doces e divertidos enquanto escancarara uma faceta que nos parece muito comum, mesmo passadas quatro décadas.

Leia mais

Ponte dos Espiões | Crítica | Bridge of Spies, 2015, EUA

Bridge of Spies, 2015

Com Tom Hanks, Mark Rylance, Domenick Lombardozzi, Brian Hutchison, Victor Verhaeghe, Alan Alda, Amy Ryan e Austin Stowell. Roteirizado por Matt Charman, Ethan Coen e Joel Coen. Dirigido por Steven Spielberg (Lincoln).
8/10 - "tem um Tigre no cinema"Uma das magias da arte do cinema é ser universal, ainda que certos personagens e histórias não falem exatamente sobre nós. Quase sessenta anos nos separam dos eventos Ponte dos Espiões e da Guerra Fria. Milhares de quilômetros entre o nosso país e os envolvidos naquele conflito. Ainda assim, podemos achar paralelos e perceber que a história tende a se repetir. Vivemos num mundo de extremos, onde parece que se você não está do nosso lado é automaticamente tachado de uma dezena de termos depreciativos. Essas posições polarizadas deixam pouco espaço para o diálogo, criando uma cortina de ódio perigosa e talvez sem volta. Olhar o outro lado e perceber que estamos lidando com pessoas é a maior mensagem do novo filme de Spielberg, um dos maiores fãs da humanidade.

Leia mais

Para cima