Postagens Etiquetadas ‘Samuel L. Jackson’

Corpo Fechado | TigreCast #163 | Podcast

Podcast sobre Corpo Fechado (Unbreakable, 2000) do diretor M. Night Shyamalan – o segundo melhor filme do diretor (?). Ouve aí!

Corpo Fechado | TigreCast #163 | Podcast

Now that we know who you are, I know who I am.” – Elijah Price

Qual é o seu segundo filme preferido de M. Night Shyamalan, e por quê é Corpo Fechado (Unbreakable)? Voltamos a falar do cineasta indiano depois de esmiuçar a carreira do diretor, lá atrás, por causa do lançamento de Fragmentado (Split).

Hoje no TigreCast, Tiago Lira (@tiagoplira), Marcelo Zagnoli (@marcelozagnoli) e Matheus Des (@matheusdes) falam da abordagem e estética dos quadrinhos usadas pelo diretor, do protagonistas que fogem dos esteriótipos (apesar dessa fonte), como Shyamalan usa movimentos de câmera e cortes para contar a história e a grande questão que nos persegue: qual é o nosso lugar no mundo?

E já peço desculpas pelo áudio do Marcelo – a captação dele teve problemas e tivemos que ficar com o backup do Skype 🙁

Leia mais

Reproduzir

Kong: A Ilha da Caveira | Crítica | Kong: Skull Island, 2017, EUA

O Rei não está morto! Viva longa ao Rei em Kong: A Ilha da Caveira – que falha no desenvolvimento de alguns personagens, mas diverte.

Kong: A Ilha da Caveira (2017)

Elenco: Tom Hiddleston, Samuel L. Jackson, John Goodman, Brie Larson, Jing Tian, Toby Kebbell, John Ortiz, Corey Hawkins, Jason Mitchell, Shea Whigham, Thomas Mann, Terry Notary, John C. Reilly | Argumento: John Gatins, Dan Gilroy | Roteiro: Dan Gilroy, Max Borenstein, Sevak Anakhasyan | Baseado em: King Kong (Merian C. Cooper, Edgar Wallace) | Direção: Jordan Vogt-Roberts (Os Reis do Verão) | Duração: 118 minutos | 3D: Relevante | Cena Pós-Créditos

Alguns personagens são tão eternos que fica uma ponta de duvida em revisitá-los. Apenas para confirmar que a nostalgia é a onda da vez, Kong: A Ilha da Caveira é tanto uma homenagem ao personagem de 1933 como uma reimaginação do icônico personagem, atualizando questões já defasadas na refilmagem de 1976. É uma produção que abraça a fantasia e aventura desde o princípio, diverte a audiência e levanta o mesmo tema de antes, mas que continua atual: tememos o que não entendemos. Mesmo que tenha alguns clichês, a história subverte temas e nos presenteia com algumas surpresas. Principalmente para os fãs dos clássicos monstros gigantes.

Leia mais

Eu Não Sou Seu Negro | Crítica | I Am Not Your Negro, 2016, EUA

Eu Não Sou Seu Negro é um importante documentário sobre a vida e a morte dos principais ativistas negros dos Estados Unidos pelos olhos de um grande amigo deles.

Eu Não Sou Seu Negro (I Am Not Your Negro, 2016)

Elenco: Samuel L. Jackson | Roteiro: James Baldwin, Raoul Peck | Baseado em: Remember This House (James Baldwin) | Direção: Raoul Peck | Duração: 96 minutos

Pode ser que eu, um homem branco de classe média que nunca foi abordado na rua por causa da cor da minha pele, não seja o mais indicado para falar da importância do documentário Eu Não Sou Seu Negro. Por outro lado, as palavras de James Baldwin ecoam na sala e na mente depois da sessão, exatamente a intenção do ativista social falecido em 1987. Apesar das reflexões do autor serem mais pertinentes à realidade do povo estadunidense, é impossível não se sentir mal com as cenas de violência direcionadas aos nossos semelhantes numa época que está distante apenas cronologicamente, e que infelizmente se aproxima cada vez mais de nós.

Leia mais

xXx: Reativado | Crítica | xXx: Return of Xander Cage, 2017, EUA

xXx: Reativado não é nem um pouco divertido e serve apenas para bajular Vin Diesel

xXx: Reativado (2017)

Elenco: Vin Diesel, Donnie Yen, Deepika Padukone, Kris Wu, Ruby Rose, Tony Jaa, Nina Dobrev, Toni Collette, Samuel L. Jackson | Roteiro: F. Scott Frazier | Direção: D. J. Caruso (Eu Sou Número Quatro) | Duração: 107 minutos | 3D: Irrelevante

O que dizer sobre algo que, no seu cerne, não tem nada para dizer? xXx: Reativado não é apenas um filme raso – dizer isso é apenas o começo. Ele apareceu com anos de atraso e com os mesmos vícios da suposta época que deveria ter saído: mal atuado, cheio de explosões sem sentido, atuações péssimas, sexista ao extremo e sem explicações necessárias. E o pior de tudo: a produção não consegue sequer ser divertida. São vários minutos de adrenalina com algumas boas coreografias que servem apenas para Vin Diesel, no papel de produtor, dizer como Vin Diesel é o cara. Pelo menos na visão de Vin Diesel.

Leia mais

O Lar das Crianças Peculiares | Crítica | Miss Peregrine’s Home for Peculiar Children, 2016, EUA

O Lar das Crianças Peculiares mistura diversão com o macabro no melhor estilo Tim Burton de ser.

O Lar das Crianças Peculiares (2016)

Elenco: Eva Green, Asa Butterfield, Chris O’Dowd, Allison Janney, Rupert Everett, Terence Stamp, Ella Purnell, Judi Dench, Samuel L. Jackson | Roteiro: Jane Goldman | Baseado em: O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares (Ransom Riggs) | Direção: Tim Burton (Batman)

8/10 - "tem um Tigre no cinema"Poucos sabem equilibrar o belo e o macabro como Tim Burton – na verdade, poucos se arriscam – e O Lar das Crianças Peculiares é uma produção que confirma isso. No seu melhor trabalho em anos, o diretor mistura doçura, aventura e terror de modo a nos colocar num mundo de fantasia com aquele choque de realidade por meio de elementos como a fotografia e o bom senso ao dosar CGI com efeitos práticos, dando assim naturalidade ao conto. Adaptações costumam ser alvo de ataques maiores, porém, falando estritamente sobre o filme, há pouco que o desabone. Os fãs do diretor encontraram a assinatura do seu universo e aqueles que são dos livros podem experimentar uma aventura diferente, mas como um vislumbre do original.

Leia mais

A Lenda de Tarzan | Crítica | The Legend of Tarzan (2016) EUA

A Lenda de Tarzan (2016)

Com Alexander Skarsgård, Samuel L. Jackson, Margot Robbie, Djimon Hounsou, Jim Broadbent, Christoph Waltz. Roteirizado por Adam Cozad, Craig Brewer, baseado na obra de Edgar Rice Burroughs. Dirigido por David Yates (Harry Potter e as Relíquias da Morte).

A Lenda de Tarzan vem para modernizar o clássico da literatura, numa história sem ritmo e desinteressante.

5/10 - "tem um Tigre no cinema"Depois de encarnações dramáticas e infantis, o personagem mais conhecido de Edgar Rice Burroughs – maior que o próprio autor – volta em A Lenda de Tarzan, modernizando o personagem título. É um termo terrível que, basicamente, diz ser uma produção com mais tiros e socos do que os anteriores. Talvez a nossa sociedade não quisesse ouvir um grito homem-macaco no cinema, nem algo tão denso quanto à produção de 1984. Então, o filme vai pelo caminho mais fácil, com personagens estereotipados, sem tons de cinza, sempre nos extremos da bondade ou maldade. Ainda que tenha uma história interessante, mesmo que simples, há decisões questionáveis na direção, o que prejudica o ritmo e a diversão.

Leia mais

Os Oito Odiados | Crítica | The Hateful Eight (2015) EUA

Em Os Oito Odiados, Tarantino mostra que a história americana foi escrita a sangue. E que não foi nada bonito.

Os Oito Odiados

Com Samuel L. Jackson, Kurt Russell, Jennifer Jason Leigh, Walton Goggins, Demián Bichir, Tim Roth, Michael Madsen, Bruce Dern. Roteirizado e dirigido por Quentin Tarantino (Cães de Aluguel).

8/10 - "tem um Tigre no cinema"Os Oito Odiados é longo, não economiza película – literalmente, já que a produção foi original concebida em 70mm, apesar de não podermos vê-la assim no Brasil. Por isso acaba sendo contemplativo e até difícil de acompanhar. Porém, é uma produção interessante desde a tipografia usada no título do filme, na épica trilha de Ennio Morricone, no desenvolvimento dos personagens pelos diálogos e no belíssimo contraste do vermelho com o branco. O clima de mistério envolvente nesse faroeste invernal – algo bem incomum no gênero – não é o melhor trabalho do diretor, mas ainda é um bom filme com o já tradicional humor e ação de Quentin Tarantino.

Leia mais

Pulp Fiction | TigreCast #106 | Podcast

Pulp Fiction | Podcast

Say ‘what’ again. Say ‘what’ again, I dare you, I double dare you motherfucker, say what one more Goddamn time!” – Jules Winnfield

Quentin Tarantino: produziu pouca coisa até agora. Mas tudo o que ele fez, merece ser discutido. Então, é hora de voltarmos a 1994 para falar de Pulp Fiction: Tempo de Violência (Pulp Fiction), filme que conta no elenco com John Travolta, Samuel L. Jackson, Uma Thurman, Harvey Keitel, Tim Roth, Amanda Plummer, Ving Rhames, Eric Stoltz, Rosanna Arquette, Christopher Walken e Bruce Willis.

No podcast de hoje, Tiago Lira, o Tigre (@otigre1982), Marcelo Zagnoli (@marcelozagnoli) e Matheus Des (@matheusdes) conversam sobre 1994, o que esses atores já fizeram, small talk, filmes indie, construção de diálogos e, claro, violência e o que Tarantino quis dizer com ela.

Leia mais

Reproduzir

Vingadores: Era de Ultron | Crítica | Avengers: Age of Ultron, 2015, EUA

Vingadores: Era de Ultron não é o melhor filme do Universo Marvel, porém acerta bem mais do que erra ao introduzir um tom mais sombrio.

Vingadores: Era de Ultron

Com Robert Downey Jr., Chris Hemsworth, Mark Ruffalo, Chris Evans, Scarlett Johansson, Jeremy Renner, Don Cheadle, Aaron Taylor-Johnson, Elizabeth Olsen, Paul Bettany, Cobie Smulders, Anthony Mackie, Hayley Atwell, Idris Elba, Stellan Skarsgård, James Spader, Samuel L. Jackson. Baseado nos quadrinhos da Marvel Comics. Roteirizado e dirigido por Joss Whedon (Os Vingadores).

7/10 - "tem um Tigre no cinema"O que se espera de uma continuação é a grandiosidade em relação ao seu antecessor. Em alguns aspectos Vingadores: Era de Ultron entrega isso para o espectador e principalmente ao fã da Marvel. É mais uma vez diversão garantida, com efeitos especiais impressionantes e a grande vantagem de não precisarmos mais de apresentações, o que faz a ação ser imediata. A história se perde repetindo momentos do primeiro filme, mas se segura no ritmo, o que é um ponto positivo para um filme de quase três horas. Porém, assim como o primeiro filme, a continuação é uma vírgula num cenário maior e mais interessante criado nos filmes solos dos membros da equipe.

Sinopse oficial

“Quando Tony Stark tenta reiniciar um programa de manutenção de paz, as coisas não dão certo e os super-heróis mais poderosos da Terra, incluindo Homem de Ferro, Capitão América, Thor, Hulk, Viúva Negra e Gavião Arqueiro, terão que passar no teste definitivo para salvar o planeta da destruição pelas mãos do vilão Ultron.”

Leia mais

Kingsman: Serviço Secreto | TigreCast #83 | Podcast

Podcast sobre Kingsman: Serviço Secreto, um dos filmes mais divertidos de 2015, com Colin Firth, Samuel L. Jackson e Michael Caine, dirigido por Matthew Vaughn

Kingsman: Serviço Secreto | TigreCast | Podcast

I’m a Catholic whore, currently enjoying congress out of wedlock with my black Jewish boyfriend who works at a military abortion clinic. Hail Satan, and have a lovely afternoon madam“. – Harry Hart

Aqui não costumamos fazer muitos programas sobre lançamentos, mas abrimos a exceção para um dos mais divertidos filmes de 2015. Tiago Lira, o Tigre (@otigre1982), Marcelo Zagnoli (@marcelozagnoli) e Matheus Des (@matheusdes) discutem entre sangue e explosões Kingsman: Serviço Secreto (Kingsman: The Secret Service, Dir Matthew Vaughn), com Colin Firth, Samuel L. Jackson, Mark Strong, Michael Caine, Taron Egerton e com participação especial de Mark Hamill, filme que adapta os quadrinhos de Mark Millar e Dave Gibbons.

Conversamos sobre a carreira do diretor, de como ele renovou a franquia X com coragem ao não usar Wolverine, da diversão que os atores tiveram nessa produção que brinca com clichê e foge do senso comum, mas que também tem camadas e uma forte crítica social. Falamos das músicas que dão o tom ao filme, da surpresa que ele foi, da importância do figurino, do vilão com plano de destruição/dominação que faz sentido, do roteiro amarrado, de mulheres fortes, McDonald’s, Product placement e sobre como os fracos herdarão a Terra.

E com SPOILERS liberados. Ouça por sua conta e risco 🙂

Leia mais

Reproduzir

Capitão América 2: O Soldado Invernal | Crítica | Captain America: The Winter Soldier, 2014, EUA

Captain America: The Winter Soldier, 2014

Com Chris Evans, Scarlett Johansson, Sebastian Stan, Anthony Mackie, Cobie Smulders, Frank Grillo, Emily VanCamp, Hayley Atwell, Robert Redford e Samuel L. Jackson. Roteirizado por Christopher Markus e Stephen McFeely. Dirigido por Anthony Russo e Joe Russo.

9/10 - "tem um Tigre no cinema"

Parece que finalmente a Marvel/Disney está percebendo que seus fãs estão crescendo. E percebendo isso, há um amadurecimento claro na chamada Fase 2, que começou com Homem de Ferro 3 (Iron Man 3, 2013) – com uma história fraca, mas com seus momentos mais adultos – passando pelo o ótimo Thor: O Mundo Sombrio (Thor: The Dark World, 2013) e agora com Capitão América 2: O Soldado Invernal. Uma ótima produção, que aborda temas atuais e conflita com a percepção patriótica de um personagem que veste a bandeira dos Estados Unidos. Sem perder o fôlego nas suas duas horas de projeção, este filme renova a esperança da franquia no cinema, e deixa qualquer um empolgado para a vindoura continuação de Os Vingadores (The Avengers, 2012).

Leia mais

RoboCop (2014) | Crítica | RoboCop, 2014, EUA

O remake de Robocop não impressiona tanto quanto o original, mas tem muitos méritos, com algumas ressalvas, e homenagens que servem como um tributo.

Robocop (2014)

Com Joel Kinnaman, Gary Oldman, Michael Keaton, Samuel L Jackson, Abbie Cornish e Jackie Earle Haley. Roteirizado por Joshua Zetumer, baseado nos personagens de Edward Neumeier e Michael Miner. Dirigido por José Padilha (Tropa de Elite).

8/10 - "tem um Tigre no cinema"Diferente do Policial do Futuro, entre desarmado do filme 1987. José Padilha faz uma abordagem muito diferente, trazendo nuances deste século para fazer uma crítica social, mas diferente de Paul Verhoeven. O meu conselho é para que não compare com o original, que ele estará sempre lá para ser reassistido. Apenas deixe-se levar nessa nova aventura que tem muitos méritos, com algumas ressalvas, e homenagens que servem como um tributo, mas longe de ser a sustentação do filme.

Leia mais

Django Livre (Django Unchained, 2012, EUA) [Crítica]

"Django Unchained", 2012

Com Jamie Foxx, Christoph Waltz, Leonardo DiCaprio, Kerry Washington, Samuel L Jackson, Walton Goggins, Dennis Christopher, James Remar, Michael Parks e Don Johnson. Roteirizado e dirigido por Quentin Tarantino (Cães de Aluguel).
9/10 - "tem um Tigre no cinema"Na sua nova empreitada, Tarantino compõe mais um mosaico que mistura homenagem ao cinema e a História. “Django Livre” tem tudo o que estamos acostumados nos filmes do cineasta: violência e comédia desmedidas, ares de cultura pop, críticas e, principalmente, uma ótima história aliada à uma ótima direção. É mais do mesmo Tarantino, e podemos levantar as mãos e agradecer por isso.

Leia mais

“Django Livre” – Veja cinco novos pôsteres do filme! [News #019]

O filme é estrelado por Jamie Foxx, Leonardo DiCaprio, Samuel L. Jackson e Jonah Hill. E tem estreia prevista no Brasil para 18 de janeiro/2013.

“Django Livre” – Novo trailer legendado em português [NEWS #017]

A Sony Pictures Brasil liberou um novo trailer de “Django Livre” (“Django Unchained“), novo longa de Quentin Tarantino. Dá o play aqui enmbaixo:

O filme é estrelado por Jamie Foxx, Leonardo DiCaprio, Samuel L. Jackson e Jonah Hill. E tem estreia prevista no Brasil em 18 de janeiro/2013.

[NEWS] Teaser Poster de RoboCop é mais falso que nota de R$3… de novo! [N#012]

É farso… de novo! 😀

Circulando na internet ao mesmo tempo que sairam as primeiras fotos tiradas do set, um poster teaser do novo remake de RoboCop. Mas é mentira de novo.

O poster, que é bem mais bem feito que a versão interior, també é fan-made. A informação foi confirmada hoje pela Sony Pictures Brasil, que reforçou não existir nenhum material de divulgação do filme ainda. Mas você pode visitar o site da OmniCorp, pra conferir visual do novo ED-209.

RoboCop (“RoboCop”) é dirigido pelo brasileiro José Padilha (Tropa de Elite), tem confirmados no elenco Gary Oldman, Samuel L. Jackson, Michael Keaton e Joel Kinnaman (no papel do novo RoboCop/Alex Murhpy) e tem previsão de estreia para 9 de agosto de 2013.

[NEWS] Teaser-poster de RoboCop é mais falso que nota de R$3 [N#006]

Circulou na internet um poster dito teaser do novo remake de RoboCop. Quando vi pela primeira vez, achei muita falta de ousadia, visto que a tipologia do nome do Policial do Futuro é muito parecida, pra não dizer igual, ao filme original de Paul Verhoeven. Pois bem, a Sony Pictures Brasil divulgou hoje que o poster é fan-made, e que não existe nenhum material de divulgação do filme. Por enquanto, temos o site da OmniCorp, onde já se pode ver o visual do novo ED-209.

RoboCop (“RoboCop”) é dirigido pelo brasileiro José Padilha (Tropa de Elite), tem confirmados no elenco Gary Oldman, Samuel L. Jackson, Hugh Laurie e Joel Kinnaman (esse último no papel do novo RoboCop/Alex Murhpy) e tem previsão de estreia para 9 de agosto de 2013.

Os Vingadores (The Avengers, 2012, EUA) [Crítica]

Com Robert Downey Jr., Chris Evans, Mark Ruffalo,  Chris Hemsworth, Scarlett Johansson, Jeremy Renner, Tom Hiddleston, Stellan Skarsgard e Samuel L. Jackson. Roteiro e direção de Joss Whedon (Serenity).

“Os Vingadores” é o sonho realizado de metade do mundo nerd. Mas a Marvel fez um bom trabalho nos filmes anteriores, criando um trama que, em sua maior parte, não prejudica o espectador comum que não leu os quadrinhos (por exemplo, um decenauta, como eu). Mas qual foi o resultado de tanto alarde? Um bom filme. Não muito longe de ser “muito bom”, mas definitivamente distante de ser “ótimo”, como a maioria dos fãs tem reportado nas redes sociais, e alguns sites como o Rotten Tomatoes. Como esperado, é divertido e cheio de ação. É uma pena que o roteiro Whedon fica no superficial e com alguns furos. E um grande receio que eu tinha se confirmou aqui. Esse foi o primeiro filme produzido após a compra da Marvel pela Disney e isso muda muito o tom do filme, o que o fez o cair para um censura menor, visando mais lucro (como se um filme assim não desse rios de dinheiro).

Leia mais

Para cima