Arquivo para a Categoria ‘5.5/10’

O Destino de Júpiter | Crítica | Jupiter Ascending, 2015, EUA

Jupiter Ascending, 2015

Com Mila Kunis, Channing Tatum, Sean Bean, Eddie Redmayne, Douglas Booth, Gugu Mbatha-Raw, Tuppence Middleton e Terry Gilliam. Roteirizado e dirigido pelos Wachowskis.

5,5/10 - "tem um Tigre no cinema"Se você procura um filme para essa temporada em que diversão seja a máxima, O Destino de Júpiter é uma escolha certeira, por causa dos efeitos visuais impressionantes, e momentos em que o espectador se segura na cadeira. Já para os mais iniciados na ficção científica, o filme é apenas mais um. Com um ou outro conceito pouco usado, é um conto de fadas espacial que impressiona pelos cenários, mas que é facilmente esquecido. Se antes os Wachowskis pecaram pela profundidade excessiva em A Viagem (Cloud Atlas, 2012), aqui o tom é mais leve, tornando a experiência apenas morna e, aparentemente, mais acessível e fácil de ser digerida.

Sinopse oficial

“Jupiter Jones (Kunis) nasceu sob um céu noturno, com sinais de que estava destinada a algo maior. Agora já crescida, Jupiter sonha com as estrelas, mas acorda para a fria realidade do seu trabalho de limpar banheiros e uma sequência infindável de infortúnios. É somente quando Caine (Tatum), um ex-caçador militar geneticamente modificado, chega à Terra para localizá-la que Jupiter começa a vislumbrar o destino reservado a ela desde o início – sua assinatura genética a marca como a próxima na fila para uma herança extraordinária que poderia alterar o equilíbrio do cosmos.”

Leia mais

Jackass Apresenta: Vovô sem Vergonha | Crítica | Jackass Presents: Bad Grandpa, 2013, EUA

Jackass Presents: Bad Grandpa, 2013

Com Johnny Knoxville e Jackson Nicoll. Argumento de Fax Bahr, Spike Jonze, Johnny Knoxville, Adam Small e Jeff Tremaine. Roteiro de Jeff Tremaine e Johnny Knoxville. Dirigido por Jeff Tremaine (Jackass: O Filme).

5,5/10 - "tem um Tigre no cinema"A série Jackass tinha sua graça, com performances que beiravam o suicídio, e pegadinhas das mais dolorosas às mais grotescas. Era entretenimento para adolescentes e teve seus méritos por isso. Porém isso já tem mais de dez anos. Fica claro que a empreitada cinematográfica tem muitos defeitos como filme, já que o modelo narrativo usado é cheio de falhas. Mas rende algumas risadas. Não é a comédia que fará você rir desesperadamente, a não ser que te agrade ver um senhor de idade com as partes íntimas presas numa máquina de refrigerantes.

Leia mais

O Massacre da Serra Elétrica 3D – A Lenda Continua (Texas Chainsaw 3D, 2013, EUA) [Crítica]

O Massacre da Serra Elétrica 3D – A Lenda Continua serve para darmos algumas risadas, mas não respeita a trilha de corpos deixada por Leatherface.

"Texas Chainsaw 3D", 2013

Com Alexandra Daddario, Dan Yeager, Tremaine Neverson, Tania Raymonde, Thom Barry, Paul Rae e Bill Moseley. Roteirizado por Kirsten Elms, Adam Marcus e Debra Sullivan. Dirigido por John Luessenhop.

5,5/10 - "tem um Tigre no cinema"

Mais uma vez produzindo uma história para adolescentes, os produtores do filme apostam num elenco jovem e de qualidade duvidosa, e com um roteiro bem forçado. Apesar de ter momentos divertidos e com uma quantidade de sangue enorme, mas plausível – pelo menos em termos – a continuação do clássico de 1974 não consegue ir além de ser um genérico da própria franquia. Para inovar, existe o elemento da inversão de valores, que é desrespeitoso com a história pregressa. Se você quiser dar algumas risadas, é uma boa opção. Mas não é mais um filme de terror, e tenho dificuldades de ver alguma sombra de Leatherface nele.

Leia mais

Para cima