Arquivar para novembro, 2015

O Enigma do Outro Mundo | TigreCast #116 | Podcast


O Enigma de Outro Mundo | Podcast

Yeah, fuck you too!” – MacReady

Estamos comemorando 4 anos de site, e por isso vamos revisitar um pouco da nossa história.

Numa época em que outro alienígena apareceu cheio de luzes e boas intenções, John Carpenter revisitou um conto dos anos 1950 – que já tinha sido adaptado antes – em 1982 para mostrar uma ficção científica com uma grande pegada no terror: O Enigma do Outro Mundo (The Thing) com Kurt Russell e Keith David no elenco.

Nesse podcast Tiago Lira, o Tigre (@otigre1982) e Andrei Fernandes (@AndreiZilla) conversam sobre a carreira de Carpenter e de Russel (e rapidamente sobre os coadjuvantes), efeitos práticos, sobre quem poderia estar no projeto – Clint Eastwood chegou a ser cotado! – medos e terrores, enquanto descobrimos mais e mais camadas desse filme que o diretor considera o primeiro da Trilogia do Apocalipse.

E, como sempre, SPOILERS liberados!

Leia mais

Reproduzir

A Visita | Crítica | The Visit (2015) EUA

A Visita (The Visit), 2015
Com Olivia DeJonge, Ed Oxenbould, Deanna Dunagan, Peter McRobbie, Kathryn Hahn. Roteirizado e dirigido por M. Night Shyamalan (Depois da Terra).

7/10 - "tem um Tigre no cinema"M. Night Shyamalan criou uma aura em volta de si desde 1999, e é bem comum esperar sua próxima produção, uma que alcance o sucesso que foi O Sexto Sentido. Por isso que aguentamos – ou melhor, a indústria banca – filmes de gosto questionáveis um atrás do outro, com raras exceções. A Visita é uma tentativa de redenção do diretor que volta ao papel autoral, deixando de lado o cargo de adaptador e de diretor de aluguel, um renascimento no já batido mockumentary/found footage sem realmente acrescentar nada de novo. Mas, é Shyamalan de volta ao gênero de suspense que tanto gosta.

Leia mais

As Mulheres e o Cinema | TigreCast #115 | Podcast


As Mulheres e o Cinema | TigreCast #115 | Podcast

Hoje não tem Papo Cinéfilo, porque essa discussão toda é um Papo Cinéfilo em si.

Nesse TigreCast especialíssimo – que também serve para nos posicionarmos – Tiago Lira, o Tigre (@otigre1982 – falando bem pouco) convida Isabel Wittmann (@iwittmann), Juliana Varella (@jujurella) e a Tatá Snow (@ladyfreak) para conversar sobre feminismo, a indústria em Hollywood, a proporção na direção e atuação entre homens e mulheres, e a relação delas com cinema. Além disso dão dicas sobre o que você pode ler e ver para entender melhor esse cenário todo.

Leia mais

Reproduzir

O Caçador e a Rainha do Gelo | Teaser e Cartazes | #NEWS

O Caçador e a Rainha do Gelo | Teaser e cartazes

Hoje a Universal Pictures Brasil liberou dois cartazes de O Caçador e a Rainha do Gelo, continuação de Branca de Neve e o Caçador, filme de 2012.

Leia mais

Jogos Vorazes: A Esperança – O Final | Crítica | The Hunger Games: Mockingjay – Part 2

The Hunger Games: Mockingjay – Part 2, 2015

Com Jennifer Lawrence, Josh Hutcherson, Liam Hemsworth, Woody Harrelson, Elizabeth Banks, Julianne Moore, Philip Seymour Hoffman, Jeffrey Wright, Sam Claflin, Jena Malone, Stanley Tucci e Donald Sutherland. Roteirizado por Danny Strong e Peter Craig, baseado na obra de Suzanne Collins. Dirigido por Francis Lawrence.

6/10 - "tem um Tigre no cinema"Parte do que esperava se concretizou em Jogos Vorazes: A Esperança – O Final, ficando bem claro que a conclusão da saga não precisava ser contada em quase cinco horas de filme. A segunda parte tem problemas de ritmo, conceito e se acovarda no desfecho indo no caminho contrário que um futuro distópico representa. Poderia haver mais conflitos internos entre os personagens e maiores discussões sobre como o poder funciona. Ainda que tudo isso não torne a produção decepcionante, fica uma sensação de algo incompleto. Se juntarmos as duas partes em uma só o final da história que agradou tanto lá no começo termina de maneira pouco satisfatória, indo muito mais para o rótulo jovem do que ao adulto.

Leia mais

Anticristo | TigreCast #114 | Podcast

Anticristo | TigreCast 114 | Podcast

Now I could hear what I couldn’t hear before. The cry of all the things that are to die.” – Ela

Estamos comemorando 4 anos de site, e por isso vamos revisitar um pouco da nossa história.

Poucos diretores mexem conosco de um jeito que pode ser considerado bom ao mesmo tempo ruim. Assim é Lars von Trier que trouxe em 2009 um dos seus filmes mais perturbadores: Anticristo (Antichrist) com Charlotte Gainsbourg e Willem Dafoe.

Tiago Lira, o Tigre (@otigre1982), Marcelo Zagnoli (@marcelozagnoli) e Matheus Des (@matheusdes) tentam entender o título, os símbolos e signos enquanto fazem uma jornada pela mente de von Trier passando por depressão, possíveis misoginias, psiquiatria e a perturbadora beleza do filme.

E, como sempre, SPOILERS liberados!

Leia mais

Reproduzir

Como Sobreviver a um Ataque Zumbi | Crítica | Scouts Guide to the Zombie Apocalypse (2015) EUA

Scouts Guide to the Zombie Apocalypse, 2015

Com Tye Sheridan, Logan Miller, Joey Morgan, Sarah Dumont, David Koechner, Halston Sage, Cloris Leachman. Argumento de Carrie Evans, Emi Mochizuki e Lona Williams. Roteirizado por Carrie Evans, Emi Mochizuki, Christopher Landon. Dirigido por Christopher Landon.

4/10 - "tem um Tigre no cinema"Eles se recusam a ficar mortos, mas seria bom dar um descanso ao gênero dos mortos-vivos. Como Sobreviver a um Ataque Zumbi faz comédia com o tema numa mistura de piadas sujas e pesadas, típicas de um amor escatológico bem comum ao gosto de quem cresceu assistindo pérolas como South Park. É um filme com ações e situações improváveis e cenas que fazem força para ser pior que a anterior – quando você assiste uma e pensa que nada pode ser pior que aquilo, acredite, eles conseguem. O roteiro escrito e reescrito por seis pessoas diferentes é confuso e lotado de inacreditáveis conveniências para dar algum tipo de sentido àquela bagunça generalizada, representando muito do que há de errado no sistema americano de fazer cinema.

Leia mais

Aliança do Crime | Crítica | Black Mass (2015) EUA

Black Mass, 2015

Com Johnny Depp, Joel Edgerton, Benedict Cumberbatch, Dakota Johnson, Kevin Bacon, Peter Sarsgaard e Jesse Plemons. Roteirizado por Mark Mallouk e Jez Butterworth, baseado no livro de Dick Lehr e Gerard O’Neill. Dirigido por Scott Cooper (Coração Louco).

8/10 - "tem um Tigre no cinema"O clima de Aliança do Crime já foi visitado antes. Você perceberá em alguns momentos inspirações – até mesmo homenagens – de filmes de gangster da década retrasada e além. Isso não quer dizer, porém, que o filme não tenha seu próprio brilho. A biografia de um personagem inteligente e desconhecido pelo público brasileiro tem um Johnny Depp fugindo daqueles personagens extremamente caricatos, uma persona raramente encarnada por ele recentemente. O ator ainda trabalha por baixo de muita maquiagem, é verdade, mas está longe de ser limitado por ela. Scoot Cooper mostra o lado sujo e a podridão dos poderes estabelecidos numa narrativa muitas vezes tensa e ameaçadora, onde não sabemos de onde vem o tiro.

Leia mais

39ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo – Parte 2 | TigreCast Especial #03 | Podcast


39ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo | Parte 2

Durante essas duas semanas da 39ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo o TigreCast vai dar uma pausa no seus moldes tradicional. Ouça a segunda parte dos comentários do crítico Tiago Lira, o Tigre (@otigre1982) sobre os filmes assistidos

Leia mais

Reproduzir

007 Contra Spectre | Crítica | Spectre (2015) EUA

Spectre, 2015

Com Daniel Craig, Christoph Waltz, Léa Seydoux, Ralph Fiennes, Monica Bellucci, Ben Whishaw, Naomie Harris e Dave Bautista. Roteirizado por John Logan, Neal Purvis, Robert Wade e Jez Butterworth. Dirigido por Sam Mendes (007 – Operação Skyfall).

7,5 - "tem um Tigre no cinema"Depois de três filmes mais densos e sombrios Sam Mendes conseguiu transformar Daniel Craig no clássico 007. Por um lado, será a alegria dos fãs mais tradicionais da franquia; por outro, dinamita todo o caminho percorrido desde 2006. 007 Contra Spectre poderia fechar com chave de ouro uma nova visão para o espião mais reconhecido do mundo. Ao invés disso o diretor preferiu tomar o caminho mais fácil revisitando demasiadamente seus antecessores com planos de dominação globais, a donzela em perigo, capangas com características pitorescas e um vilão caricato e megalomaníaco. Aqui a homenagem vem junto de uma face de retrocesso.

Leia mais

Para cima